parallax background

ESCOLA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARQUE TANGARÁ


PARQUE ESCOLA


O projeto Parque Escola teve início em 1997, focado em oferecer educação inclusiva enfatizando o meio ambiente como um dos principais recursos do processo de construção do conhecimento.

Em 2016, a Lei municipal nº 9.899 cria a Escola Municipal de Educação Ambiental Parque Tangará - Parque Escola, reforçando a vocação de laboratório pedagógico, que desenvolve e dissemina conhecimentos e práticas de educação ambiental para a sustentabilidade.

O objetivo da EMEA é sensibilizar as crianças, professores, diretores e funcionários da rede municipal para as questões ambientais e de ciências naturais, estimulando a participação dos conselhos de escola, dos pais e da comunidade, a partir de oportunidades reais na construção e ampliação do conhecimento, através do estudo do meio.

Ações de educação não-formal estão previstas no Programa Nacional de Educação Ambiental ProNEA. A Política Nacional de Educação Ambiental, estabelecida pela lei n o 9.795/1999, define em seu art. 2º, que “A educação ambiental é um componente essencial e permanente da educação nacional, devendo estar presente, de forma articulada, em todos os níveis e modalidades do processo educativo, em caráter formal e não-formal”.

Desta forma, o programa pedagógico da EMEA Parque Tangará/Parque Escola, realizado pela Secretaria de Educação do Município de Santo André, em parceria com o Instituto IPRODESC, fornece à rede de ensino do município a oportunidade de enriquecimento do processo de ensino-aprendizagem dos alunos, em ações de educação não-formal, mediante a oferta de roteiros pedagógicos relacionados ao meio ambiente e sustentabilidade, nos quais todo o conteúdo apresentado está estruturado na Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

São cerca de 50 mil m² de parque, que oferecem recursos pedagógicos para estimular e despertar a curiosidade sobre a temática ambiental, a botânica, a arte e o reaproveitamento de materiais, bem como a valorização do convívio social e as práticas educacionais.

A Escola Municipal de Educação Ambiental - EMEA realiza o atendimento exclusivamente para alunos da Rede Municipal de Educação de Santo André/SP, de segunda à sexta-feira, em aulas sobre conteúdos relacionados à Ciência da Natureza, em especial: a Biologia e a relação Homem-Natureza. Para agendamento de grupos escolares da rede municipal de Santo André clique aqui.

A EMEA oferece cursos regulares, na forma de oficinas, palestras e exposições em sua agenda mensal, com programação especial em meses de recesso escolar (janeiro e julho), visando a popularização do conhecimento junto à comunidade. Além disso, dispõe de espaços para espetáculos teatrais, auditório, academia ao ar livre, quadra e espaço arborizado para caminhada.

A programação para a comunidade é realizada pela Secretaria de Educação em parceria com a Secretaria do Meio Ambiente, Secretaria de Saúde e Secretaria de Esportes da Prefeitura Municipal de Santo André. Saiba mais sobre a programação livre mensal clicando aqui.

PROPÓSITO


O propósito da EMEA é difundir a educação socioambiental, visando contribuir para o processo de ensino da Rede Municipal de Educação de Santo André, de forma criativa, crítica e autônoma, estimulando reflexões e ações sobre a preservação do meio ambiente e a atuação do homem na natureza.

VISÃO


A visão da EMEA é de uma instituição pública em rede, atuando como um elemento aglutinador e potencializador de iniciativas já existentes nas escolas como um ponto de disseminação pública de informações, conhecimentos e experiências de educação socioambiental, na Cidade de Santo André.

VALORES

• Responsabilidade' ambiental
• Acesso universal à informação;
• Inter-Multi-Transdisciplinaridade;
• Interculturalidade.

VÍNCULO

A EMEA é um equipamento da Secretaria de Educação, da Prefeitura Municipal de Santo André, uma organização que opera em rede com outras Secretarias do município. As ações pedagógicas da EMEA são realizadas através de parceria com o Instituto IPRODESC.

AGENDAMENTO